Leilões Judiciais e
Extrajudiciais
Bens Móveis e Imóveis

IMÓVEIS - BARRA MANSA

INFORMAÇÕES DO LEILÃO

 

1º data: 11/06/18 11:00h  A partir de R$ 190.000

2º data: 26/06/18 11:00h  A partir de R$ 95.000

 

Local de realização: Exculsivamente Eletronico

 

Processo principal n°: 0003714-74.2002.8.19.0007

Bem a ser leiloado, conforme Auto de Penhora e Avaliação, designado como:

 

IMÓVEIS: situados na Rua João Afonso Borges, 569, Vila Independência, na Cidade de Barra Mansa, matriculados no 4º Ofício de Barra Mansa sob a matrícula n° 19770 (registro anterior no 3º Ofício sob a matrícula n° 9502), descritos como 01) 01(uma) casa de dois pavimentos nos fundos, com acesso pelo corredor da esquerda, avaliada em R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais); 2) 01 (uma) casa na frente, parte superior sobre uma garagem (ou loja), avaliada em R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais); 03) 01 (uma) loja/garagem, frente parte inferior, avaliada em R$ 10.000,00 (dez mil reais) e 04) 01 (uma) casa fundos, com acesso pelo corredor da direita, avaliada em R$ 30.000,00 (trinta mil reais), edificados em  05) 01 (um) terreno, em ligeiro aclive, cujo as medidas não foram informadas, mas segundo Certidão de Cadastro de IPTU 2016, trata-se de área de 331,40 m2, avaliado em R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais), perfazendo-se desta forma um total de R$ 190.000,00 (cento e noventa mil reais). Conforme certifica o Sr. Oficial de Justiça às fls. 563 (frente e verso), a via é asfaltada, embora precariamente, próximo a um colégio público, posto de saúde, Igreja, mercado, fornecida de linha de ônibus, água/esgoto sanitário e energia elétrica.

 

1ª DATA: 11/06/18

VALOR: R$ 190.000

 

2ª DATA: 26/06/18

VALOR: R$ 95.000

 

 

            O Leilão será procedido na forma do parágrafo único do artigo 130 do CTN (livre e desembaraçado, a sub-rogação ocorre sobre o respectivo preço da arrematação) e Artigo 897 do NCPC e Artigos 892 § 2º e § 3º do NCPC. O auto de arrematação será lavrado na forma do Artigo 901 do NCPC.

 

            Arrematação com 5% de comissão da Leiloeira (Artigo 884, Paragrafo Único do NCPC), e custas de cartório até o limite máximo permitido por lei, por conta e risco do arrematante, que deve examinar os autos do processo, podendo ser:

  • à vista, facultando-se o pagamento de sinal equivalente a 30% sobre o valor da arrematação, e o depósito dos 70% restantes a disposição do juízo no prazo de 15 dias;
  • ou de forma parcelada, em caso de imóveis ou veículos, conforme prevê o artigo 895 do NCPC, sendo que o arrematante devera pagar 25% (vinte e cinco por cento) do valor do lance à vista e o restante parcelado em até 30 (trinta) meses, garantido por caução idônea, quando se tratar de móveis, e por hipoteca do próprio bem, quando se tratar de imóveis.

            O lance à vista terá preferência sobre o lance a prazo. Caso não haja ofertas à vista será facultado oferecimento de lances parcelados. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

TIRE SUA DÚVIDA!

Nome  
E-mail  
Telefone / WhatsApp  
Como você nos encontrou?  
ENVIE SUA DÚVIDA  

IMAGENS

(imagens meramente ilustrativas, ficando a cargo do arrematante a verificação no local)